Edition: U.S. | Arabic | Set Pref
CNN MULTICHOICE AFRICAN JOURNALIST AWARDS 2009
HOME
INTRODUCTION
COLLECTION POINTS
CATEGORIES
RULES OF ENTRY
PRIZES

FREE PRESS AFRICA NOMINATION FORM

ENGLISH ENTRY FORM
FRENCH ENTRY FORM
PORTUGUESE ENTRY FORM

PRESS RELEASES
1995 - 2008 Finalists and Winners


Prémios Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2008 Regresso ao Gana

A CNN International e a MultiChoice apresentaram oficialmente esta semana os Prémios Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2008. O evento regressa ao Gana, onde foi criado em 1995. Os vencedores destes prestigiados prémios anuais serão anunciados numa cerimónia solene que irá ser realizada em Acra, em Julho de 2008.

Tony Maddox, Vice-presidente Executivo e Director Geral da CNN International, disse: "Estamos muito contentes que os Prémios Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2008 regressem ao ponto de origem do prémio, no Gana. Com o crescimento dos prémios em importância, peso e prestígio, é apropriado que o Gana seja escolhido como país anfitrião. É maravilhoso ver que continuam a aumentar as candidaturas por todo o continente, fazendo com que seja um verdadeiro evento Pan-Africano."

Eben Greyling, CEO da MultiChoice Africa, declarou: "A nossa duradoura parceria com a CNN com vista a apoiar este prémio de jornalismo demonstra activamente o nosso apoio aos meios de informação que permitem ouvir a voz da África em temas locais e globais. Os prémios cresceram ao longo dos anos em importância e chegaram ao nível necessário para incentivar, demonstrar e celebrar o melhor que o continente tem para oferecer em termos de jornalismo. É com prazer que aguardamos novamente o desafio de descobrir e recompensar novas histórias e vozes do continente."

Na cerimónia de atribuição dos Prémios Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2007, o prémio principal foi atribuído a Richard M. Kavuma do Uganda. Richard, que trabalha para o The Weekly Observer no Uganda venceu pela sua série de artigos, "Avaliar a acção do país em relação aos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio", que foram seleccionados dentre 1670 candidaturas de 40 países de todo o continente africano.

Richard Kavuma afirmou: "Ganhar o Prémio Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice foi a coisa que me fez sentir mais humilde, e também a melhor, que alguma vez me aconteceu. O prémio transformou-me, de simples mensageiro a amplificar a voz do povo, em herói nacional, inundado de mensagens de parabéns e interpelado na rua por pessoas comuns. Mas também me deu acesso a mais plataformas e pódios para falar sobre o sofrimento do povo, que era o foco dos meus artigos galardoados. Desde Julho que já dei inúmeras entrevistas a jornalistas da rádio, TV, jornais e revistas da África e da Europa. Dirigi-me a diversas audiências, incluindo estudantes universitários, e fui reconhecido por diversas organizações e empresas. O Prémio fortaleceu a minha motivação e colocou-me numa posição privilegiada para concretizar os meus sonhos pessoais e profissionais. Como primeiro ugandês a receber este prestigiado prémio, ainda sou felicitado pelos meus colegas, dos quais muitos me dizem "Olha, foi em grande", ao passo que outros me contam que tencionam candidatar-se ao prémio de 2008. Parece-me que o meu prémio trouxe não só orgulho para os meus colegas, mas também uma maior percepção do seu potencial como jornalistas. Por estes motivos, espero que também apresente o seu trabalho, pelo menos, para o comparar com o dos seus colegas profissionais. Tal como eu, pode estar para ter a maior surpresa da sua vida."

A competição cresceu em dimensão e estatuto ao longo dos últimos doze anos e tornou-se no mais prestigiado evento de comunicação social de África. Em 2007, teve um número recorde de candidaturas de 40 países africanos e um programa com "Os Melhores Momentos" da cerimónia, que teve lugar na Cidade do Cabo, foi difundido em 44 países africanos, no Africa Channel nos EUA, no OB Channel no Reino Unido e na RTP África. Este ano, a competição reconhece a excelência em 16 categorias:

  • Prémio do Turismo
  • Prémio Arte e Cultura patrocinado por Celtel
  • Prémio Economia e Negócios patrocinado por Coca-Cola África
  • Prémio do Meio Ambiente patrocinado por Ecobank
  • Prémio África da Imprensa Livre
  • Prémio MSD para a Saúde e Questões Médicas
  • Prémio da Fundação Henry J. Kaiser Family para a Excelência da Reportagem sobre VIH/ SIDA em África
  • Prémio MIH para a Imprensa - Melhor Artigo Publicado em Revista
  • Prémio Mohamed Amin para Fotografia apresentado por Camerapix
  • Prémio para Jornalismo de Imprensa patrocinado por Safebond Africa Ltd.
  • Prémio para Notícias Generalizadas de Rádio
  • Prémio para o Desporto patrocinado por Global Media Alliance
  • Televisão - Notícias Generalizadas - Prémio para Reportagem/Actualidades patrocinado por IPP Media Tanzania
  • Televisão - Notícias Generalizadas - Prémio para Noticiário
  • Prémios Francófonos para Notícias Generalizadas (Imprensa, TV/Rádio)
  • Prémio Francófono MIH de Imprensa Africana - O Melhor Artigo Publicado em Revista
  • Prémio para Notícias Generalizadas em Língua Portuguesa

Dentre os vencedores destas categorias, os juízes escolhem o vencedor geral - O Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2008.

Os finalistas do concurso de 2008 irão participar num programa de finalistas de quatro dias que irá incluir workshops, um fórum de meios de comunicação social, oportunidades de interagir e trocar informação com jornalistas experientes, chefes de redacção, líderes empresariais e donos de meios de comunicação social de todo o continente, culminando na cerimónia solene de atribuição dos prémios em Julho de 2008. O vencedor de cada categoria receberá um prémio monetário considerável, para além de um computador portátil, com modem e impressora. O Jornalista Africano do Ano CNN MultiChoice 2008 recebe um prémio monetário adicional e uma viagem ao CNN Center em Atlanta.

A competição está aberta a jornalistas profissionais africanos, incluindo freelancers da imprensa, televisão, Internet, fotografia e rádio. Podem ser obtidos detalhes completos sobre como concorrer em www.cnn.com/africanawards. A data de encerramento para as entradas é 15 de Fevereiro de 2008 e a deliberação do júri terá lugar em Maio.

Sobre o prémio

O Prémio Jornalista Africano do Ano CNN foi fundado em 1995 por Edward Boateng (outrora Director Regional Africano da Turner Broadcasting System Inc., empresa-mãe da CNN) e o falecido Mohamed Amin, no sentido de reconhecer e incentivar a excelência no jornalismo por toda a África. O concurso está aberto a jornalistas profissionais africanos (incluindo, mas não limitado a freelancers) que trabalhem no continente para organizações de comunicação social de propriedade africana ou com sede no continente africano e que produzam uma publicação impressa ou uma transmissão por meio electrónico (difusão televisiva, por rádio ou website) destinada, sobretudo, ao público africano e recebida pelo mesmo. Todas as candidaturas devem ser difundidas e publicadas ao longo de Janeiro-Dezembro de 2007.

Nota para os Editores

A decisão relativamente às candidaturas irá decorrer em Maio e será tomada por um painel de prestígio que inclui Joel Kibazo, jornalista e consultor de comunicação social, Sophie Ly Sow, jornalista e promotora da imprensa livre em África, Arlindo Lopes, Secretário Geral, SABA - Southern Africa Broadcasting Association, Anna Umbima, jornalista e radialista, Azubuike Ishiekwene, Director Executivo, Publicações Punch Nigeria Limited e Ferial Haffajee, Chefe de Redacção, jornal Mail & Guardian, África do Sul.

www.cnn.com/africanawards
Emitido: 10 de Janeiro de 2008

Para mais informações, contactar:
CNN International London: Joel Brown +44 20 7693 0967 joel.brown@turner.com
MultiChoice South Africa: Marilyn Watson +27 11 289 3062 mwatson@multichoice.co.za
MultiChoice Africa: Caroline Creasy + 27 11 289 3081 ccreasy@multichoice.co.za

Home  |  Asia  |  Europe  |  U.S.  |  World  |  World Business  |  Technology  |  Entertainment  |  World Sport  |  Travel
Podcasts  |  Blogs  |  CNN Mobile  |  RSS Feeds  |  Email Alerts  |  CNN Radio  |  Site Map
© 2009 Cable News Network. A Time Warner Company. All Rights Reserved.